Entendendo a Rastreabilidade de Instrumentais

27/04/2020

O serviço de Rastreabilidade de Instrumentais caracteriza-se pelo controle e acesso a todo um histórico, um banco de dados constantemente atualizado, de processamento dos equipamentos. Esse histórico não permite somente analisar a situação e os registros de utilização dos instrumentais — pode-se mapear o capital aplicado a determinado material desde a sua compra, como, por exemplo, gastos com manutenção, taxas de uso, vida útil, e, basicamente, fornecer diretrizes para qualquer estatística ou relatório de gestão.

O sistema de rastreabilidade, uma vez bem instituído, mitiga o tempo gasto com a localização de bandejas; reduz extravios; fornece dados sobre manutenção que eliminam surpresas desagradáveis quando da utilização de materiais; e, ainda, dado aos registros e índices proporcionados, pode-se resolver conflitos de agenda e monitorar a produtividade da unidade.

A rastreabilidade individual dos instrumentais inicia-se pela marcação do instrumental, que recebe um código único de rastreamento que fornecerá de dados essenciais dos instrumentais a identificação dos procedimentos em que forem utilizados. Basta que a unidade operadora, seja uma CME, clínica, ou consultório, esteja equipada com leitores de código 2D, QR Code ou código de barras (de acordo com o sistema utilizado), em conjunto com o software pertinente, para que os profissionais possam obter o acesso rápido à todas as informações e realizem um eficiente e seguro procedimento.

Veja mais

WhatsApp